Parte II - Secretário Municipal de Esportes, Lazer e Turismo fala sobre o Complexo Popular Esportivo Municipal de Bambuí (COPEM)

Olá queridos amigos do Canastra Esporte Clube! Nessa edição do mês de outubro, trazemos para os leitores do Jornal Cotidiano, a segunda parte da entrevista exclusiva com o Secretário Municipal de Esportes, Lazer e Turismo (SELT) do município de Bambuí. Se você não acompanhou a primeira parte da nossa entrevista, clique aqui e confira!
Canastra Esporte Clube (C.E.C.): Quais os projetos da Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Turismo para o Complexo Esportivo Popular Municipal (antigo CIEB)?
Ramon Gabriel (R.G.): O foco inicial é colocar o COPEM para funcionar direitinho. Conscientizar a população que tem uma gestão e que o povo tem que ajudar na manutenção. A piscina está sendo limpa regularmente e contamos com uma servidora da limpeza diária, atuando quatro horas por dia. Está sendo feito um projeto na secretaria de obras para reformar o setor de vestiário e instalar a SELT dentro do Complexo Esportivo. Tem um projeto também para colocar grama sintética no campo de futebol, que foi reformado com grama esmeralda, sendo que o ideal para o local seria a Grama Boiadeiro. Além disso, o Município está pleiteando o Projeto Segundo Tempo, junto ao Ministério dos Esportes, que funcionará dentro do COPEM, caso sejamos contemplados e poderá atender 200 alunos.
C.E.C.: O Centro de Convenções que foi construído em anexo está sendo utilizado pela população por meio de alguma atividade?
R.G.: O Centro de Convenções também está funcionando com Capoeira e Muay Thai. Está sendo feito uma parceria com o Instituto Federal Minas Gerais (IFMG – Campus Bambuí) com o intuito de promover aulas de dança para a comunidade. O grupo de Dança Knighthood Crew também está desenvolvendo atividades no local, que foi uma forma de apoio para eles que estão representando Bambuí no Festival Dançaraxá 2017.
C.E.C.: Em relação ao Conselho Municipal de Esportes, que é necessário está ativo para acessar alguns projetos e políticas públicas, o que falta para que possa sair do papel e funcionar efetivamente?
R.G.: A nossa Secretaria é de esporte, lazer e turismo. Na época que o conselho foi criado, eles colocaram o nome de Conselho Municipal de Esporte, Lazer e Turismo, então ainda existe a dúvida se poderia ser um único conselho. Porque hoje, para ter acesso a muitos tipos de verba, os conselhos devem estar ativos, principalmente do Turismo, porque nós estamos avaliando a possibilidade de Bambuí voltar para o Circuito da Canastra. Ainda estamos esclarecendo se poderia ou não ser junto ou se isso poderia atrapalhar futuramente. Na prática não seria ruim, pois, com um único conselho, você faria uma reunião e decidiria sobre esses temas todos, seria menos burocrático. Mas se atrapalhar para a captação de verbas ou não for permitido, então se torna ruim, sendo necessário desmembrá-lo. No entanto, o texto do Regimento Interno do Conselho trata apenas do esporte, então eu já efetuei algumas modificações que precisam passar pela Câmara Municipal para aprovação. Caso não puder ser junto, teria que desmembrar, criando o Conselho Municipal de Esporte e Lazer separado do Conselho Municipal de Turismo.

C.E.C.: Agradecemos ao Ramon Gabriel, Secretário Municipal de Esportes, Lazer e Turismo (SELT), pela disponibilidade e atenção ao Canastra Esporte Clube, e pelo empenho da sua equipe de trabalho, especialmente em relação ao COPEM, que outrora já fora uma importante Praça de Esportes da população bambuiense e que hoje anseia pelo retorno efetivo de sua utilidade para atividades desportivas e culturais.